marcação prévia

Ânforas Imperiais

entrada livre

Visita comentada pelo Arqueólogo Artur Rocha 

Na Antiguidade Clássica, as ânforas foram os recipientes de transporte alimentar por excelência. A sua abundância em contextos arqueológicos transforma-as num importante indicador económico, auxiliando a compreensão dos padrões de produção, dos hábitos de consumo e das dinâmicas do comércio que os alicerçou.

A exposição coloca em paralelo vários fragmentos de ânforas fabricadas na Lusitânia e os conteúdos que lhes correspondem, como o vinho, o azeite e preparados piscícolas. Em conjunto, são testemunhos do importante papel desempenhado por Olisipo nos circuitos oriundos da bacia mediterrânica. 

As rotas comerciais romanas, estabelecidas entre vários pontos do Império, as moedas usadas nas transações e as diversas tipologias anfóricas da antiguidade estão também representadas. A exposição parte do porto de Olisipo para pontos tão distantes como a Península Itálica, a Gália, o Norte de África ou mesmo a costa da atual Turquia.

 

Informações

Visitas comentadas pelo Arqueólogo Artur Rocha

Sábados, 9 de julho, 10 de setembro e 1 de outubro, às 15h00 (60min.)

Restantes sábados visitas comentadas pela equipa do serviço educativo do Museu, às 14h30 (60 min.)

Marcação prévia

Reservas de terça a sexta das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 17h00, para info@museudodinheiro.pt ou +351 213 213 240

Veja também:

Receba as novidades
do Museu do Dinheiro

Inscreva o seu email para receber novidades sobre as actividades e exposições do Museu do Dinheiro.

É obrigatória a indicação deste campo.

Obrigado.

Acabou de lhe ser enviado um e-mail para confirmar o seu registo e validar o seu endereço de e-mail.

Por favor, clique no link nesse e-mail para confirmar a sua inscrição.
Não foi possível subscrever o seu email. Por favor tente mais tarde.