O Euro - há 20 anos no seu bolso

entrada livre

Há 20 anos, os bancos centrais da área do euro promoviam a maior transição monetária da história: a entrada em circulação de uma moeda única, o Euro.

Na manhã de 1 de janeiro de 2002, na sede do Banco de Portugal, fizeram-se filas com mais de 500 pessoas para trocar escudos por euros.

Mas o processo começou muito tempo antes. A produção de notas de euro teve início em julho de 1999 em 15 fábricas por toda a Europa. Uma delas foi a portuguesa VALORA.

Abasteceram-se os balcões dos bancos e as ATM, distribuíram-se kits das novas notas e moedas a retalhistas e ao público, e fez-se uma campanha de informação pública de larga escala.

Após 20 anos e algumas crises, o Euro afirma-se como um pilar de estabilidade e é amplamente reconhecido pelos 340 milhões de cidadãos europeus que o utilizam diariamente. “A nossa moeda” é a segunda moeda mais utilizada em todo o mundo e é o principal símbolo da unidade Europeia.

Informações

O Euro - há 20 anos no seu bolso 
Exposição temporária

De 13 julho a 30 de outubro 2022

Mais informação para info@museudodinheiro.pt ou +351 213 213 240

Veja também:

Receba as novidades
do Museu do Dinheiro

Inscreva o seu email para receber novidades sobre as actividades e exposições do Museu do Dinheiro.

É obrigatória a indicação deste campo.

Obrigado.

Acabou de lhe ser enviado um e-mail para confirmar o seu registo e validar o seu endereço de e-mail.

Por favor, clique no link nesse e-mail para confirmar a sua inscrição.
Não foi possível subscrever o seu email. Por favor tente mais tarde.